Certeza

o cercado se fechou;as mangueiras não dão mais sombra;

o vento é seco;

a noite não faz mais tanto frio;

até a areia parece não grudar mais na sandália.
os quadros já não enfeitam a parede, da televisão não se ouve mais o som, não há calendários, nem cadeira na porta.
não há seu cheiro, seu sorriso, sua oração, sua canção, não há você.
resta a memória, a saudade, o orgulho, as lições, a história, a certeza: aqui é só uma parte do todo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s